Metalúrgicos de Itu realizam mobilização pela Campanha Salarial 2012

No período de 30 de julho a 3 de agosto, a diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos de Itu e Região, realizou uma série de assembleia nas porta das fábricas. O objetivo desta ação foi mobilizar os trabalhadores (as), com relação ao impasse da Campanha Salarial 2012. As bancadas patronais não construíram junto à FEM (Federação Estadual dos Metalúrgicos Filiados a CUT), um calendário de reuniões para as negociações da Campanha.
No dia 31 de julho, o setor de Fundição realizou uma reunião para apresentar o desenvolvimento do setor, mostrando aos dirigentes sindicais apenas números. Houve  discussão de reapresentação da pauta de negociação, que envolve  aumento real e reposição da inflação, valorização dos pisos, seguro de vida em grupo e redução da jornada de 44 horas para 40horas sem redução de salário . O mesmo vai ocorrer no dia 08 com Sindipeças e dia 10 de agosto com o Grupo 8.
Os diretores do Sindicato informaram aos trabalhadores (as) o quadro Campanha Salarial, pedindo desta forma manter a união e mobilização de todos.
De acordo com o presidente da entidade Dorival Jesus do Nascimento Júnior, às assembleias aconteceram em toda base dos Metalúrgicos de Itu e Região, conscientizando os trabalhadores (as) da morosidade dos patrões em não negociar. “Passado mais de trinta dias da entrega da pauta, nenhuma reunião foi marcada. Mobilizamos a base deixando bem claro que, se não houver o agendamento das reuniões para as negociações da Campanha, a próxima conversa será através do silêncio das máquinas,” explica o presidente dos Metalúrgicos de Itu e Região.

 

Tadeu Italiani

Jornalista e Assessor de Imprensa do Sindicato dos Metalúrgicos de Itu e Região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *